Segurança forestal, hídrica, energética e alimentar na Caatinga

Clique para saber mais aqui

Resumo

Nesta proposta, apresentamos a restauração ecológica como uma ação transversal e unificadora para promover a abordagem Nexus (água, energia e segurança alimentar) e atingir os objetivos de desenvolvimento sustentável (ODS) na região do bioma Caatinga. Dividida em dois módulos, esta proposta apresenta duas frentes de ação para promover a sustentabilidade da Caatinga. Em primeiro lugar, combinando o que há de melhor em ciência, políticas públicas, análise socioeconômica e capacitação, esta proposta prevê o mapeamento das oportunidades e desafios da restauração ecológica na Caatinga com foco na promoção da segurança hídrica, alimentar e energética. Ainda, utilizando os conhecimentos tradicionais da população do semi-árido aliado às mais modernas técnicas de restauração para a Caatinga, esta proposta prevê a geração de protocolos de restauração in situ que promovam a resiliência e sustentabilidade de paisagens sócio-ecológicas produtivas, promovendo novamente o Nexus abordagem em uma escala de gestão local de paisagens produtivas. Esta proposta visa demonstrar que é possível aliar de forma natural e harmoniosa a pesquisa científica em Restauração Ecológica, uma das áreas mais importantes para o desenvolvimento de alternativas tecnológicas para a sustentabilidade, com a geração de políticas públicas alinhadas aos objetivos geopolíticos e ancorados em uma abordagem multidisciplinar (Nexus). Os produtos derivados, assim como o potencial inovador desta proposta, são abrangentes e atendem tanto ao planejamento no setor público, à implementação de experiências pela sociedade civil organizada e ao fortalecimento de uma importante linha de pesquisa, a restauração ecológica, para as TICs na Caatinga. bioma.

Coordenador

Felipe P.L. Melo